EMPV

Escola do Ensino Artístico integrada na Rede Nacional de Ensino
Autorização Definitiva de Funcionamento nº 106/DREN, de 26/06/2003

Artigo 39.º – Transparência das entidades com Estatuto do Ensino Particular e Cooperativo de nível não superior.
Autorização de funcionamento e Averbamento à autorização de funcionamento.

Integrada numa ativa estrutura expressamente vocacionada para a pedagogia, prática e fruição da Música – a Associação Pró-Música da Póvoa de Varzim –, a Escola de Música é uma realidade que vem sendo alicerçada ao longo dos últimos 31 anos. (…) No decorrer desse período, diversas atividades da Escola, designadamente o Coral Ensaio, as Orquestras de Cordas, as Orquestras de Sopros, o Concurso de Piano da Póvoa de Varzim, o Concurso de Trompete da Póvoa de Varzim, o Coro Juvenil Pró-Música, outras classes de conjunto e alunos solistas não deixaram de corresponder a solicitações externas, enriquecendo iniciativas socioculturais da região.

Significativo também será constatar que, a outro nível, diversos alunos continuam a optar pelo prosseguimento de estudos de nível superior, tendo alguns deles já concluído Cursos Superiores de Música tanto em Portugal como no Estrangeiro. Também em circunstâncias diversas, os alunos mais qualificados que frequentam o nosso Ensino no Curso Secundário também vão prestando a sua colaboração, iniciando-se desse modo numa experiência única.

A Escola continua intrinsecamente ligada a outras atividades da Associação Pró-Música da Póvoa de Varzim – o Festival Internacional de Música, Ciclo de Concertos “Ala Música e Concurso Internacional de Composição da Póvoa de Varzim. Na sua organização e execução participam de algum modo elementos da nossa comunidade educativa: alunos, professores, encarregados de educação, funcionários administrativos e auxiliares. (…)

APMPV/EMPV. (2020). Escola de Música da Póvoa de Varzim – Projeto Educativo (biénio 2020/2021) – Prólogo, 4,

Escola Municipal de Música da Póvoa de Varzim (EMMPV) foi criada em 1988 pela Câmara Municipal, tendo por objetivos:

  • Incentivar a formação de profissionais na área da Música;
  • Promover o acesso da população escolar concelhia ao seu enriquecimento cultural e, a nível curricular, a frequência de diversos cursos de Música (nível Básico ao Complementar), em regime articulado ou supletivo;
  • Contribuir para a ocupação dos tempos livres (especialmente os dos mais jovens) com possibilidade de frequência de Cursos com Planos Próprios da Escola (CPPE), também designados como Cursos Livres;
  • Promover o desenvolvimento cultural não só da cidade, mas de todo o concelho da Póvoa de Varzim.

(…) O Protocolo estabelecido entre a Escola de Música da Póvoa de Varzim e as Escolas Básicas do 2º e 3º Ciclo Dr. Flávio Gonçalves e Cego do Maio, a partir do ano letivo 2009/2010 (ao abrigo da portaria nº 691/2009, de 25 de Junho, e da Declaração de Retificação nº 59/2009, de 7 de Agosto, dando continuidade ao que já se realizava pelo regime legal anterior), permitiu a constituição de duas turmas de 5º ano (1º Grau) de Ensino Artístico Especializado de Música, em Regime Articulado (uma em cada estabelecimento de ensino supra citado), que simultaneamente privilegia a existência de uma formação de base musical, reforça a educação artística global dos alunos e salvaguarda a possibilidade de interagir com os planos de estudos do Ensino Regular. (…)

Atualmente a EMPV tem estabelecido protocolo com a Escola Secundária Eça de Queirós em regime de articulado para alunos que manifestem a pretensão de continuar os seus estudos no Ensino Secundário. Os planos de estudos dos Cursos Secundário de Música e o Curso Secundário de Canto em regime articulado estão regulamentados pela Portaria nº 229-A/2018, de 14 de agosto e integram, conforme o Decreto-Lei nº 55/2018, de 6 de julho as componentes de formação geral, formação científica e formação técnica-artística.

APMPV/EMPV. (2020). Escola de Música da Póvoa de Varzim – Projeto Educativo (biénio 2020/2021), 19-22.